Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Saude Indigena Minuto

DSEI Leste de Roraima envia reforço contra a COVID-19 para aldeias Ingarikó

Escrito por Nayane Cordeiro | | Publicado: Segunda, 17 de Agosto de 2020, 17h21 | Última atualização em Segunda, 17 de Agosto de 2020, 17h38

DSEI L. RR 17 08 CAPA2 

As aldeias da etnia Ingarikó estão recebendo mais um reforço do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Leste de Roraima no enfrentamento à COVID-19. Nesta segunda-feira (17/ago), o Distrito enviou uma equipe de saúde ao Polo Base Raposa Serra do Sol, em Uiramutã (RR). Três médicos a serviço do Exército Brasileiro que atuam na Operação Acolhida – Área de Proteção e Cuidados (APC) e um enfermeiro do DSEI LRR vão reforçar a Equipe Multidisciplinar de Saúde Indígena (EMSI) que atua no local até terça-feira (18).

Eles estão levando medicamentos, testes rápidos, álcool em gel e Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para monitorar e evitar a propagação do novo coronavírus. Os pacientes recebem tratamento para os sintomas e são monitorados pela EMSI. A equipe orienta sobre a permanência na aldeia, a lavagem frequente das mãos e isolamento social. Conforme a necessidade, os pacientes são removidos para internação na APC ou Hospital Geral de Referência de Boa Vista.

DSEI L. RR 17 08 012

Esta é terceira entrada do DSEI em área indígena para atender especificamente a etnia Ingarikó a pedido das lideranças, feita em 18 de julho. A primeira equipe foi enviada para a área no dia 27 de julho e já retornou à sede do Distrito. Outra equipe está no local e permanece até 7 de setembro. O acesso à região só é possível por via aérea. “Atendendo a uma solicitação das comunidades Ingarikó, por carta, e tratativas com o Ministério Público Estadual de Roraima (MPE-RR) estamos realizando esta terceira entrada com o apoio do Exército Brasileiro. Estas ações tem o objetivo de dar uma resposta rápida na atenção ao combate à Covid-19 nas comunidades Ingarikó da Terra Indígena Serra do Sol”, explica o coordenador do DSEI Leste de Roraima, Tárcio Pimentel.

A Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), do Ministério da Saúde, vem intensificando as ações de enfrentamento ao Combate a Covid 19 a aproximadamente 1,4 mil indígenas, por meio do DSEI Leste de Roraima, desde o mês de julho. As ações são discutidas com os tuxauas, que são as lideranças indígenas das comunidades, em consonância com o Conselho Distrital de Saúde Indígena (Condisi).

registrado em:
Fim do conteúdo da página