Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Saude Indigena Minuto

Aleitamento materno é tema em todos os Polos Base do DSEI Alagoas e Sergipe no mês de agosto

Escrito por alexandreb.sousa | | Publicado: Quinta, 27 de Agosto de 2020, 18h12 | Última atualização em Quinta, 27 de Agosto de 2020, 18h12

Agosto é o mês da amamentação instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS). A Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), do Ministério da Saúde, vem incentivando o aleitamento materno nas ações de saúde indígenas realizadas nas aldeias por meio dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI).

A nutricionista do DSEI Alagoas e Sergipe, Catherine Padilha, afirma que atualmente o aleitamento materno vem sendo substituído pelo uso frequente da mamadeira com leite artificial. “Essa situação é preocupante pois acarreta um desmame precoce e consequentemente uma introdução alimentar de forma equivocada e também no momento errado”, afirma.

Por isso, as Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) estão trabalhando com a saúde da família nas comunidades indígenas durante todo o ano para incentivar amamentação até os dois anos de idade. “O leite materno é um alimento rico com todos os nutrientes necessários para essa fase de vida, de forma exclusiva até os seis meses e de forma complementar até 2 anos de idade”, explica Catherine.

Estudos científicos comprovam a superioridade do leite materno sobre os leites de outras espécies. A amamentação também promove o vínculo afetivo entre mãe e filho e há evidências científicas que sugerem que o aleitamento materno diminui o risco de hipertensão, colesterol alto, diabetes e obesidade e ainda pode prevenir o câncer.

Durante o mês de agosto, a conscientização foi reforçada em todos os 13 Polos base do DSEI Alagoas e Sergipe, principalmente nas aldeias da etnia Kariri Xocó, próximas da zona urbana, onde muitas indígenas acabam desmamando os bebês antes do período recomendado. As EMSI realizaram rodas de conversa e atividades educativas com os grupos de gestantes para tratar da gestação, transformação pessoal, preparação para o parto fisiológico e a maternidade consciente.

As orientações são dadas desde a primeira consulta do Pré-natal no intuito de que, ao longo dos 9 meses de gestação, a mãe compreenda a importância de promover o aleitamento materno exclusivo.

 

NUCOM/SESAI

 

registrado em:
Assunto(s):
Fim do conteúdo da página